Técnico da Chapecoense aproveitou “semana cheia” para testar variações

Ao término dos trabalhos desta sexta-feira no Centro de Treinamento da Água Amarela, em Chapecó, o técnico Vagner Mancini se disse satisfeito pela semana cheia de trabalho.

— Às vezes com jogos na quarta e domingo, quarta e domingo, a gente perde o sentido tático — explicou.

Para tentar recuperar o padrão de jogo, ele contou com a volta do atacante Niltinho, que era seu titular desde o início da temporada mas que não atuou nos últimos três jogos do catarinense por causa de lesão. Coincidência ou não, o time não venceu mais. Além disso, o treinador aproveitou a folga de jogos para testar variações na equipe.

— Não posso colocar um jogador durante a partida e pedir para ele fazer algo que não treinou — explicou o treinador.

Por isso, além de recompor o 4-3-3, ele também testou o 4-4-2 com três volantes, colocando Luiz Antônio ao lado de Andrei Girotto e Amaral. Também testou um volante da base, Lucas Mineiro, no setor. No entanto, ele vai começar o clássico de domingo contra o Figueirense com três atacantes. Afinal a Chapecoense joga em casa e precisa da vitória.

Mancini também aproveitou para conversar bastante com os jogadores sobre os motivos que levaram o clube a oscilar.

— É normal oscilar neste início de temporada, mas quero identificar os motivos para corrigir o quanto antes — explicou.

Ele disse que mesmo com a sequência de três jogos sem vencer no Catarinense, está muito confiante no trabalho pois vê evolução na equipe.

 

Fonte: DC


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.