Policial militar que morreu atropelado por viatura na BR-480 é sepultado

O policial militar de 31 anos que morreu atropelado por uma viatura foi sepultado na tarde deste domingo (23) em Chapecó, no Oeste catarinense. Ele morreu na madrugada durante o atendimento de uma ocorrência.

De acordo com a RBS TV de Chapecó, o enterro terminou às 18h no cemitério Jardim do Eden, no bairro Palmital. Policiais militares também acompanharam a cerimônia e prestaram as últimas homenagens ao colega de trabalho.

O corpo foi velado na Igreja do Evangelho Quadrangular. Natural de Chapecó, o policial militar era casado e tinha um filho de 11 anos.

Acidente
O caso foi registrado na madrugada deste domingo (23) na BR-480 em Chapecó. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Xanxerê, o atropelamento ocorreu pouco depois da meia-noite.

O policial e um colega estavam abordando um veículo na rodovia, na altura do km 130,5, quando perceberam que outra viatura da PM seguia pela pista lateral para alcançar uma motocicleta em fuga.

Os dois PMs, ao perceberem a situação, foram também até a via lateral. No entanto, a motocicleta desviou e a viatura que vinha atrás acabou atropelando o policial que estava no meio da pista. O homem morreu no local.

‘Excelente profissional’
Em nota, o Comando-Geral da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) lamentou a morte do cabo Daniel Leite. Ele estava no corporação desde 2006. “Excelente profissional, estava no comportamento excepcional, com 24 elogios em ficha. Tais consagrações demonstram a grandeza deste cabo da Polícia Militar e a competência com a qual realizava suas funções”, afirmou o comando.

 

Fonte: G1 SC

http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2016/10/policial-militar-que-morreu-atropelado-por-viatura-na-br-480-e-sepultado.html


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.