Jorginho e Argel Fucks estão entre os técnicos cogitados pela Chapecoense

A Chapecoense está em busca de um novo treinador, depois de demitir Vinícius Eutrópio, na tarde desta segunda-feira. O clube busca um profissional para comandar o time nas últimas 15 rodadas de luta pela permanência no Campeonato Brasileiro e também na disputa da Sul-Americana. Argel Fucks e Jorginho — não o que trabalhou no clube em 2014 — estão entre os cotados para o cargo.

Para o primeiro jogo com o Flamengo, nesta quarta-feira, pela competição continental, o auxiliar Emerson Cris, de forma interina, vai ser o responsável pela equipe, conforme informou diretor executivo de futebol Rui Costa. A diretoria não acenou com nenhum profissional como substituto de Eutrópio, mas nos bastidores alguns nomes surgem com força.

Um deles é o de Jorginho, que fez bom trabalho no Vasco da Gama em 2015 e 2016. No primeiro ano, apesar do bom desempenho, não evitou o rebaixamento e no seguinte foi campeão do Carioca. Nesta temporada treinou o Bahia mas com aproveitamento de 38%, com quatro vitórias em 14 jogos, acabou demitido. Uma das vantagens dele é que conhece o futebol catarinense. O treinador trabalhou no Figueirense em 2011, com aproveitamento de 54%.

O nome de Argel Fucks sempre é cogitado a cada demissão de treinador na Chapecoense — isso desde 2014. Mas, como sempre, tem resistência de alguns diretores. Argel demonstrou interesse em treinar o clube, pois sua esposa é da região. Também tem a experiência de ter salvo o Criciúma do rebaixamento em 2013, o Figueirense em 2014 e o Vitória em 2016. Mas recentemente não foi bem no Goiás, na Série B. Argel tem o desejo de trabalhar na Chape, o único dos cinco grandes de Santa Catarina que ainda não treinou.

Outros nomes possíveis são Milton Mendes, que foi recentemente demitido do Vasco da Gama, e Eduardo Baptista, que em julho foi demitido do Atlético-PR. Antes de Eutrópio, a Chapecoense havia tentado Enderson Moreira. À época e hoje na liderança da Série B com o América-MG. Na ocasião, ele declinou do convite.

 

Fonte: DC


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.