Falsos agentes da dengue furtam dinheiro de idosa no Oeste de SC

Dois homens e uma mulher furtaram uma idosa na cidade de Pinhalzinho, após se passarem por agentes de combate à dengue. Segundo a Polícia Militar, na quinta-feira pela manhã, o trio visitou a casa da aposentada, no bairro Industrial, as margens da BR-282 e solicitou vistoriar o pátio e a residência da vítima.

Após enganarem a aposentada, fingindo, inclusive, jogar um pó branco em determinadas áreas do terreno, o grupo pediu uma contribuição de R$ 5. A estratégia, conforme a polícia, serviu para verificar onde ela guardava seu dinheiro. Após distraí-la, o trio teria furtado da senhora cerca de R$ 700. O caso foi registrado na delegacia, porém até o momento não há informações sobre os suspeitos.

Orientação

O episódio serve de alerta e preocupa a secretária de Saúde do município. Pinhalzinho, no ano passado, chegou a decretar situação de emergência por conta dos casos de dengue. O receio, agora, é de que episódios como esse deixem a população preocupada e resistente aos reais agentes de combate ao mosquito.

O coordenador do programa contra a dengue em Pinhalzinho, Claudir Antonio Kolletto, orienta que as pessoas fiquem atentas as características dos agentes.

— Nosso agente sempre está trajando camiseta verde, com o logo da campanha da dengue, além de mochila e crachá com a marca da secretaria de Saúde — alerta.

Além disso, segundo Koletto, os agentes, no máximo, pedem para vistoriar o recipiente atrás da geladeira e eventuais ralos na área interna da residência. Além de não pedirem contribuições financeiras, normalmente não trabalharem em mais de dois profissionais juntos.

Fonte: DC
http://dc.clicrbs.com.br/sc/noticias/noticia/2017/01/falsos-agentes-da-dengue-e-furtam-dinheiro-de-idosa-no-oeste-de-sc-9321800.html


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.