Em vídeo, capivaras e filhotes atravessam na faixa de pedestres para fugir de alagamento em SC

Uma família de capivaras parou o trânsito em Brusque, no Vale do Itajaí, na segunda-feira (5). Doze animais, entre capivaras adultas e filhotes, atravessar a Avenida Arno Carlos Gracher, como mostrou o Jornal do Almoço.

Conforme a biológa da Fundação Municipal do Meio Ambiente (Fundema), Deise Nara Schafer, em Brusque é comum capivaras viveram às margens do Rio Itajaí-Mirim, que corta a cidade.

“Elas apareceram perto da Ponte dos Bombeiros, o grupo provavelmente atravessou a rua por causa da enchente, que deixou a margem alagada. Não deixa de ser uma forma de se proteger”, disse Deise.

O número grande de animais na cidade, segundo a bióloga, ocorre pela falta de predadores naturais, como onças. A Fundema não possui um balanço oficial de capivaras no município.

Situação em SC

Em Rio do Sul, 20 dos 25 bairros estão alagados. Os motoristas da cidade enfrentam quase que um labirinto para percorrer as ruas, que têm muitos pontos de alagamentos.

“Por enquanto a gente consegue passar em algumas ruas para poder ir no mercado, que só tem um mercado aberto em Rio do Sul. Agora se o rio subir mais, aí ninguém passa, vai trancar tudo”, diz o aposentado Eduardo Anjos.

Em poucas horas, o número de afetados pela chuva em Santa Catarina passou de 10,1 mil para 27,6 mil. De acordo com a Defesa Civil, o aumento rápido ocorreu na madrugada desta terça-feira (6) “não só pelo excesso de chuva, mas também porque o solo já está encharcado e os rios estão cheios”.

Fonte: G1 SC


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.