Em busca da bonança, Chape treina com chuva para se recuperar no estadual

Após período turbulento com sequência sem vitórias, Chapecoense tem semana de treinamentos para enfrentar o Figueirense no Catarinense.

A bola voltou a rolar no CT da Água Amarela, onde a Chape se prepara para retomar as vitórias após uma sequência de três jogos sem resultado positivos no estadual. As derrotas para Avaí e Brusque e o empate em casa diante do Almirante Barroso custaram caro ao time, que despencou na tabela de classificação (agora em 6º). Bola para frente. Mesmo com a chuva que caiu em Chapecó nesta terça-feira, o técnico Vagner Mancini colocou o time em campo para começar a corrigir os erros que levaram a equipe às resultados adversos.

Em um dos campos, Mancini dividiu a equipe em duas para trabalhar ataque e defesa. Com seis jogadores na parte da marcação e seis na parte ofensiva para cada lado, o treinador insistiu na criação de jogadas e também na construção de contra-ataques. Na pretensa equipe titular, o técnico mexeu no sistema defensivo. Diego Renan assumiu a vaga na lateral direita, que foi de Zeballos nos dois últimos jogos, e Nathan entrou na zaga para fazer dupla com Douglas Grolli. No campo de ataque os titulares Wellington Paulista e Rossi fizeram parceria com Luiz Antonio, Dodô, Nadson e Niltinho – que volta a treinar após se recuperar de luxação no ombro esquerdo.

Após tirar a segunda-feira e a manhã de terça para trabalhos de recuperação e reforço na academia do clube, agora o foco está em corrigir os erros que o time apresentou nos últimos jogos. Nesta semana, a Chapecoense busca retomar o bom início de campeonato que teve com as vitórias em cima de Inter de Lages e Atlético Tubarão. Fora de campo, o discurso é o mesmo implementado por Vagner Mancini no campo de treinamento.

– Dois jogos que é difícil de explicar. Isso se chama futebol mesmo. Podíamos estar na frente e levamos um gol no último minuto. Contra o Barroso também, estávamos com o jogo nas mãos, trabalhando a bola, mas infelizmente houve o empate. Essa semana temos tempo para acertar os detalhes que fazem o time ficar forte. Jogo se decide no detalhe – afirmou o volante Andrei Girotto.

A Chape volta a campo no próximo domingo, contra o Figueirense, na Arena Condá. As duas equipes têm o mesmo número de pontos na competição, mas Figueira leva vantagem no saldo de gols. Nesta quarta-feira, a equipe verde e branca trabalha apenas no turno da tarde, no CT da Água Amarela

Fonte: GLOBO ESPORTE


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.