“É um absurdo levar nove gols em dois jogos”, cobra Vagner Mancini após derrota da Chapecoense

Nem o técnico Vagner Mancini está satisfeito com o desempenho do time da Chapecoense após as duas derrotas seguidas, por 6 a 3 para o Grêmio, na quinta-feira, e os 3 a 2 para a Ponte Preta, neste domingo, em Campinas.

– É um absurdo levar nove gols em dois jogos, não podemos admitir isso num time como a Chapecoense, com o nível de jogo que nós temos. Já cobrei deles no vestiário e vou cobrar de novo na segunda e na terça-feira – disse o treinador, na entrevista coletiva após a partida.

Ele afirmou que o time vem cometendo alguns erros infantis que não vinha cometendo. Lembrou que o problema não é só na defesa, mas na marcação como um todo. Disse que, em dois gols da Ponte Preta, a bola foi perdida no ataque e ninguém chegou para matar a jogada.

– Nós não fizemos uma má partida, mas erramos novamente e demos a oportunidade para a Ponte Preta fazer os três gols, depois com as mexidas o time ficou mais rápido, fizemos os dois gols, tivemos tempo para empatar mas infelizmente fomos derrotados – avaliou o treinador.

Outro problema apontado é que muitas vezes o atacante Wellington Paulista fica sozinho dentro da área na hora dos cruzamentos.

Mancini se disse preocupado com erros individuais que estão comprometendo o conjunto e prejudicando uma campanha que estava muito boa até o momento.

Como não tem muito tempo para treinar, pois o próximo jogo já é quarta-feira, contra o Vasco, na Arena Condá, ele pretende mostrar vídeos para os jogadores. Mesmo com os dois tropeços o técnico mostrou que confia no grupo e considera que o time está no caminho certo, necessitando somente de alguns ajustes.

 

Fonte: DC


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.