Conheça os celulares mais vendidos do Brasil

A linha Galaxy J da Samsung é a mais vendida do mercado brasileiro de celulares pelo segundo ano consecutivo. Segundo a pesquisa da IDC, os diversos modelos Galaxy J correspondem a um volume de 42% das vendas do mercado nacional de smartphones, cobrindo desde modelos baratos, por R$ 480, até opções intermediárias com especificações técnicas mais avançadas e preços em torno dos R$ 1,2 mil, como é o caso dos J5 e J7.

A série é disposta em diversas faixas de preço pela fabricante. Os modelos Prime são os mais simples e baratos, enquanto a linha Pro compreende as opções mais equipadas e caras da lista. Além disso, há o J7 Neo, que é uma versão mais em conta e simples do J7 Prime e J7 Pro. Abaixo, você conhece os detalhes dos modelos J Pro, Prime e Neo e as diferenças entre os smartphones da fabricante sul-coreana.

Linha Galaxy J Pro

A linha J Pro é composta por três modelos: os Galaxy J2 Pro, J5 Pro e J7 Pro. O trio se caracteriza por estar entre as alternativas mais equipadas de cada linha. Assim, o J2 Pro é superior aos demais J2, da mesma forma em que as especificações dos J5 Pro e J7 Pro são melhores que os demais modelos dessas linhas.

No entanto, entre si, os três celulares são bem diferentes. Enquanto o J5 e o J7 têm design similar e usam metal na sua construção, o J2 Pro é construído em plástico, tendo uma apresentação mais conservadora.

O J2 Pro tem a menor tela (5 polegadas) e resolução (540 x 960 pixels). Além disso, é o mais simples entre os três, o que garante o menor preço, sendo encontrado por R$ 650 no varejo. O J5 Pro, por outro lado, tem display HD (1280 x 720 pixels) de 5,2 polegadas e especificações superiores com custo na faixa dos R$ 775. Por fim, com 5,5 polegadas em Full HD (1920 x 1080 pixels) e ficha técnica melhor em todos os quesitos, o J7 Pro é o mais poderoso e caro da família, por R$ 1.099.

Galaxy J2 Pro

J2 Pro tem tela inferior e construção de plástico (Foto: Divulgação/Samsung)

J2 Pro tem tela inferior e construção de plástico (Foto: Divulgação/Samsung)

O J2 Pro é o modelo de entrada da linha. O processador tem quatro núcleos e velocidade de até 1,4 GHz e memória RAM de 1,5 GB. O armazenamento interno é de 16 GB, que pode ser expandido via cartão microSD. A câmera traseira e frontal é de 8 e 5 megapixels, respectivamente. O smartphone é uma opção para quem procura gastar pouco mas ainda procura um pouco mais de desempenho.

Galaxy J5 Pro

J5 Pro tem leitor de impressões digitais e câmeras de 13 megapixels (Foto: Paulo Alves/TechTudo)

J5 Pro tem leitor de impressões digitais e câmeras de 13 megapixels (Foto: Paulo Alves/TechTudo)

Com processador de oito núcleos a 1,6 GHz e memória RAM de 2 GB, o J5 Pro é mais rápido. Combinando câmeras de 13 megapixels nos dois painéis, o intermediário também se posiciona como boa escolha para quem gosta de fotografar com o celular e está em busca de preços mais em conta.

Galaxy J7 Pro

Galaxy J7 Pro tem especificações superiores entre o trio J Pro (Foto: Divulgação/Samsung)

Galaxy J7 Pro tem especificações superiores entre o trio J Pro (Foto: Divulgação/Samsung)

Maior entre os três, o smartphone é também o melhor equipado. Usando o mesmo octa-core de 1,6 GHz do J5 Pro, o J7 se difere pela memória RAM de 3 GB. No quesito câmera, no entanto, o celular empata. Ambos têm as mesmas câmeras de 13 megapixels.

Linha J Prime

Galaxy J2 Prime tem TV Digital como diferencial (Foto: Filipe Garret/TechTudo)

Galaxy J2 Prime tem TV Digital como diferencial (Foto: Filipe Garret/TechTudo)

Se o catálogo J Pro organiza os celulares mais avançados entre a série J da Samsung, a linha Prime abriga os telefones mais simples da mesma família. Dessa forma, o usuário garante smartphones mais baratos com especificações um pouco mais modestas.

O J2 Prime tem versões com ou sem TV Digital, tela de 5 polegadas e resolução de 540 x 960 pixels. Com mesmo processador e memória RAM do J2 Pro, o smartphone repete a construção em plástico e pode custar em torno de R$ 480.

Mais equipado, o J5 Prime tem leitor de digitais, porém, fica atrás do J5 Pro em virtude do processador com metade dos núcleos. A tela, no entanto, é a mesma, com resolução HD (1280 x 720 pixels) e 5 polegadas. Por fim, o J7 Prime é o maior entre os três, com 5,5 polegadas e resolução Full HD (1920 x 1080 pixels).

Galaxy J2 Prime

Galaxy J2 Prime: tela menor e custo mais acessível (Foto: Divulgação/Samsung)

Galaxy J2 Prime: tela menor e custo mais acessível (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy J2 Prime é equipado com processador quad-core de 1,4 GHz e memória RAM de 1,5 GB. As câmeras são de 8 e 5 megapixels. O seu destaque vai para a TV Digital, um recurso que pode ser interessante para quem gosta de assistir televisão em qualquer lugar.

Galaxy J5 Prime

Galaxy J5 Prime tem tela de resolução HD e câmeras de 13 e 5 megapixels (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Galaxy J5 Prime tem tela de resolução HD e câmeras de 13 e 5 megapixels (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

A versão Prime do J5 tem processador quad-core de 1,4 GHz, mais fraco que o octa-core da versão Pro. A memória RAM é de 2 GB e as câmeras também são diferentes: em vez de um par de 13 megapixels, o celular tem a traseira de 13 megapixels e frontal de 5 megapixels.

Galaxy J7 Prime

Galaxy J7 Prime tem mesmo processador e RAM do modelo Pro (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Galaxy J7 Prime tem mesmo processador e RAM do modelo Pro (Foto: Ana Marques/TechTudo)

O J7 Prime é bem parecido com o modelo da linha Pro. Equipado com leitor de digitais, o telefone repete a tela, câmera principal, o processador (octa-core a 1,6 GHz) e memória RAM (3 GB). A diferença fica mesmo por conta da câmera de selfies que, no Prime, é inferior: 8 megapixels contra 13 MP.

Galaxy J7 Neo

Galaxy J7 Neo destoa das versões Prime e Pro do J7 com especificações mais modestas (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Galaxy J7 Neo destoa das versões Prime e Pro do J7 com especificações mais modestas (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Não há versões Neo dos Galaxy J2 e J5. Com preço na faixa dos R$ 650, o J7 Neo pode ser entendido como uma versão simplificada do J7 Prime, já que tem menos memória RAM (2 GB contra 3 GB dos modelos Pro e Prime), tela com as mesmas 5,5 polegadas, mas de resolução inferior, de 720p (1280 x 720 pixels), além de câmera para selfies de 5 megapixels diante dos modelos de 8 megapixels no Prime e de 13 migapixels no Pro.

Quando se trata de armazenamento, o J7 Neo tem apenas 16 GB, diante dos 32 GB das outras versões do J7. Isto pode ser uma desvantagem para quem guarda muitos arquivos, como fotos, músicas e vídeos, já que o espaço é pouco e ainda precisa ser compartilhado com aplicativos.

Ainda assim, há aspectos que igualam os dois celulares. O J7 Neo, além de ter tela do mesmo tamanho, também repete a câmera principal. Assim como os demais, o modelo Neo tem leitor de digitais no botão home, diferente do J7 Prime.

O Galaxy J7 Neo também tem compatibilidade com sinal de TV Digital, característica inexistente nos modelos mais caros.

Fonte: Tech Tudo


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.