Chuva causa estragos no Oeste de SC

Pelo menos três cidades registraram destelhamentos e alagamento.

Em decorrência da chuva, ao menos três cidades do Oeste catarinense registraram estragos na noite de sábado (19). De acordo com a Defesa Civil, Chapecó teve duas ocorrências após ventos fortes e Dionísio Cerqueira teve ao menos sete. Conforme os bombeiros voluntários, duas casas e uma área industrial foram destelhadas em Ipumirim.

A chuva forte que atingiu Chapecó alagou parte do prédio de resgate social da prefeitura. Depois disso, o local, segundo a Defesa Civil, foi coberto com lona. Parte do muro de uma casa caiu no mesmo município, também por causa da chuva. Com risco de afetar a residência, a Defesa Civil retirou dois casais do local e os levou para casa de parentes.

Em Ipumirim, com o vento forte, árvores foram derrubadas e duas casas foram destelhadas, uma no bairro Ary Giombelli e outra no bairro Simon. Uma área industrial também foi destelhada no bairro Scalco. Segundo os bombeiros voluntários da cidade, duas pessoas foram levadas para casa de familiares.

Parentes e amigos dos afetados auxiliaram na retirada de móveis para que não fossem danificados pela chuva.

Em Dionísio Cerqueira, de acordo com a Defesa Civil, cinco casas foram alagadas depois que pedras e lixo obstruíram bocas de lobo nas ruas. Outras duas casas foram destelhadas.

Ainda segundo o órgão, ocorreram também queda de árvores em estradas da zona rural. A Defesa Civil não informou se há pessoas afetadas.

Fonte: G1


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.