Chape segura o empate no Mineirão

Mais um ponto na tabela. Essa é a conta da Chape no pós jogo contra o Cruzeiro. Com 17.226 torcedores presentes no Mineirão, o Verdão segurou a pressão dos donos da casa, com Danilo defendendo mais um pênalti, e o zero a zero no placar levou a Chapecoense aos 42 pontos no Brasileirão.

Foi um sufoco desde o início. Tentando se afastar da parte de baixo da tabela, o Cruzeiro se lançou ao ataque. A primeira oportunidade do Cruzeiro passou perto, a direita. Já a segunda chance parou na trave. Depois, foi a vez de Danilo salvar. Até o termino dos 45 minutos iniciais quem mais trabalhou foi o sistema defensivo da Chape.

Na volta do intervalo, o roteiro do filme seguia o mesmo enredo. Aos 8 minutos, o árbitro marcou pênalti de Danilo em cima do argentino Ábila. O próprio atacante cobrou e Danilo defendeu com o pé. Na sequencia, novamente a bola encontrou a trave na conclusão de Ábila.

Do outro lado, no contra-ataque, Matheus Biteco rolou para Gil. O camisa 8 da Chape chutou de perna esquerda e a bola passou a esquerda do gol cruzeirense. No fim da partida, as bolas pelo alto, Neto e Thiego afastaram os cruzamentos para segurar o resultado. O segundo jogo seguido que o Verdão não sofreu gols.

Copa Sul-Americana
Nesta segunda-feira (17), a Chapecoense segue viagem de Belo Horizonte para a Colômbia. Na quarta (19), o Verdão enfrentará o Junior, em Barranquilla, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

 

Fonte: Chapecoense

http://www.chapecoense.com/2016/noticias/273


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.