Chape inicia a temporada com cinco caras novas e ainda aguarda jogadores

Agrupados no vestiário que ganhou o mundo no vídeo dos atletas campeões da Copa Sul-Americana cantando “vamos, vamos, Chape”, os atletas da Chapecoense ouviram atentamente as palavras do presidente do clube, Plínio David de Nes Filho, na abertura da temporada 2018. Diferente do início de 2017, com um grupo montado às pressas e cheio de caras novas, apenas cinco dos 30 atletas apresentados vestiram pela primeira vez a camisa do Verdão.

Depois de fazer mistério em relação às negociações no mercado de transferências, finalmente os primeiros nomes de reforços foram liberados. A Chape ainda aguarda a chegada de Apodi, que por problemas particulares não conseguiu reapresentar-se com o grupo. Fabrício Bruno e Rafael Thyere possuem acerto com o Verdão e devem chegar nos próximos dias. Além deles, Márcio Araújo tem negociação avançada, mas a chegada de um novo interessado com maior poder de investimento pode dificultar a transferência.

– O primeiro compromisso era manutenção do grupo de 2017. Fizemos o máximo possível para manter a estrutura de time. Tivemos perdas inevitáveis, fizemos algumas opções. Tínhamos a necessidade de enxugar um pouco o grupo. Tivemos 17 saídas e agora estamos recompondo com contratações pontuais – disse Rui Costa, executivo da Chape.

Bruno Pacheco – lateral
Com 26 anos, o atleta chega a missão de fazer a torcida esquecer Reinaldo, um dos principais atletas da Chape na temporada passada e que retornou do empréstimo para o São Paulo. Disputará posição com Roberto, remanescente de 2017. Após uma boa passagem pelo Atlético-GO, deve ser o titular de Gilson Kleina na lateral esquerda verde e branca.

Eduardo – lateral
O lateral-direito tem 31 anos e irá disputar vaga com Apodi, xodó da torcida verde e branca. Formado nas categorias de base do CRB, teve boa passagem pelo Bahia na última temporada. Em Santa Catarina, defendeu Joinville e Criciúma com algum destaque. Possui características bastante ofensivas, com boas chegadas à linha de fundo.

Guilherme – atacante
Atacante de velocidade, com bom desempenho no 1-contra-1. Teve boa passagem pelo Botafogo na temporada passada e o Grêmio tinha a intenção de aproveitar o jovem de 22 anos neste ano. As movimentações do mercado mudaram os planos do Tricolor, que decidiu realizar novo empréstimo. Em Chapecó, busca sequência e se firmar entre os titulares para voltar ao Grêmio com maior bagagem.

Ivan – goleiro
Experiente, o goleiro de 33 anos chega para compor o grupo, que também conta com Elias e Jandrei para a posição. Estava no Goiás, onde trabalhou com Gilson Kleina em 2016. Na última temporada não teve muitas oportunidades no Esmeraldino. Em Santa Catarina defendeu o Joinville por cinco temporadas. Após a saída de Artur Moraes, é uma opção para dar suporte aos companheiros mais jovens do elenco.

Vinicius – atacante
Uma surpresa na reapresentação verde e branca. O atacante de 24 anos estava no Adanaspor, da Turquia, emprestado pelo Palmeiras, e não teve seu nome vinculado à Chape anteriormente. Uma das promessas da base do time paulista, foi promovido ainda em 2010. O atacante é velho conhecido de Gilson Kleina, com quem atuou em 2013, na Série B do Brasileiro. É uma aposta da Chape.

Confira todos os atletas apresentados pela Chape:

  • Goleiros: Elias, Igor*, Ivan e Jandrei;
  • Lateral-direito: Eduardo;
  • Laterais-esquerdo: Bruno Gaúcho*, Bruno Pacheco e Roberto;
  • Zagueiros: Douglas Bacelar, Luiz Otávio, Hiago*, Neto, Vinicius*;
  • Volantes: Amaral, Canteros, Elicarlos, Moisés Ribeiro e Lucas Mineiro*;
  • Meias: Alan Ruschel, Nenén, Nadson, Khevin*;
  • Atacantes: Arthur, Bruno Silva*, Julio César, Japa*, Guilherme, Perotti*, Vinicius, Wellington Paulista.

Apodi, Fabrício Bruno e Rafel Thyere são aguardados nos próximos dias.

*atletas promovidos da base
Em
negrito, novos contratados


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.