‘Cápsula do tempo’ é encontrada durante demolição de escola em Lages

Depois de descobrir a existência de uma caixa com mensagens da década de 1930 enterrada no Colégio Aristiliano Ramos, em Lages, a prefeitura redobrou os cuidados na demolição do prédio. A estrutura está sendo removida para conclusão do projeto de revitalização do centro da cidade.

Os técnicos encontraram a “cápsula do tempo”, um pote de vidro, guardada dentro de uma caixa de pedra. Conforme a administração, um documento encontrado recentemente cita o jornal A Época, de 1934, em que descreve o lançamento da pedra fundamental da Escola Normal.

O ato ocorreu em 3 de outubro de 1934 e é registrado em uma ata. Dentro do pote estariam vários números do jornal e moedas do período.

Como o pote de vidro está úmido e pode estar comprometido, a Fundação Cultural de Lages providenciará a secagem e restauração do material, segundo prefeitura.

Caixa foi encontrada durante demolição de escola (Foto: Greik Pacheco/Divulgação)

Caixa foi encontrada durante demolição de escola (Foto: Greik Pacheco/Divulgação)

Por estar úmido, material deve ser restaurado (Foto: Greik Pacheco/Divulgação)

Por estar úmido, material deve ser restaurado (Foto: Greik Pacheco/Divulgação)

Cápsula teria jornais e moedas (Foto: Greik Pacheco/Divulgação)
Fonte: G1

Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.