Caminhoneiro assaltado; bandidos fizeram vítima de refém e roubaram até pneus

Mais um caminhoneiro de Concórdia foi assaltado na madrugada da quinta-feira, dia 12, na cidade de Prata, Minas Gerais, após ser rendido por bandidos armados em um posto de combustíveis na BR-153. O motorista Dirceu José Urbanski, 32 anos, ficou quase cinco horas de refém e depois conseguiu pedir ajuda. A carreta tem placas de Catanduvas, porém o motorista é morador de Concórdia, do bairro São Cristóvão. “Ainda não me caiu a ficha”.

Segundo o motorista concordiense, dois homens armados arrebentaram um dos vidros da lateral do cavalo-mecânico por volta das 2h30 da madrugada. “Eles vieram pra cima de mim e não tive como reagir”, revelou. Urbanski afirma que os dois bandidos estavam armados e durante todo o tempo estavam fazendo ameaças de morte.

“Vamos apagar o motorista”, dizia um dos bandidos com a intenção de evitar qualquer reação da vítima.

Depois com o motorista concordiense rendido os ladrões seguiram do posto de combustíveis até a BR-262. Durante a madrugada os bandidos retiraram o rodado da carreta e fugiram. Somente ao amanhecer, Urbanski conseguiu pedir ajuda. Ao se deslocar até um postos de fiscalização o caminhão acabou sendo “depenado”. Pessoas não identificadas levaram praticamente todos os acessórios do caminhão: bateria, som, lonas e caixa de comida.

 

Fonte: Atual FM


Envie pelo WhatsApp a palavra 'Sim' para (49) 98824-6292 e receba as principais notícias da região.